A minha memória favorita da infância

Quando tive a ideia para esta publicação, parte de mim ficou contente por saber que iria ficar por uns tempos como rascunho. Mas o tempo passou e dei-me conta de que agora, com o findar do ano, estava na altura de eu próprio refletir sobre a minha memória favorita e de como isso me moldou enquanto escritor. Porque sim, isso aconteceu!

Continuar a ler “A minha memória favorita da infância”