O (meu) teu luar

Nem no verão o frio dos lençóis desaparece. Que a sensação de solidão se abate. Não! E é assim, logo pela manhã, que olho para o meu lado. Aquele em que … Continue a ler O (meu) teu luar

Malas

Aquilo que precisam de saber de mim é que adoro fazer malas. Acho giro. Talvez não o gosto que muitos estão a pensar. Refiro-me mesmo ao ato em si. O … Continue a ler Malas

Stupid In Love – “Estúpida a Amar”

Boa noite 🙂 como estão? Vai muito tempo, eu sei! A verdade é que entre escrever relatórios de estágio, e algo ficcional, pouco tempo fico para conseguir, após isso, ter … Continue a ler Stupid In Love – “Estúpida a Amar”

“P.S.: Ficas Comigo?” – 20º Capítulo (Estreia 2ª Parte)

  Bom dia!!! Finalmente chegou a 2ª Parte. Um regresso forte e emotivo! Lê já o 20º Capítulo!

Agitando o Pelo

A luz do carro ofuscou-me por completo ao atravessar a estrada. Lembrei-me logo do natal, de quando eu, em mais pequeno, ficava vidrado com as luzes da gigante árvore de … Continue a ler Agitando o Pelo

“Bancada”

Estava felicíssimo. Estava radiante! Como se todos os meus problemas tivessem desvanecido. Mas então vi-te! Vi-te abatida. Vi-te caminhares até à bancada e apoiares o teu corpo fragilizado sobre os … Continue a ler “Bancada”

“Óculos de Sol”

Sinto-me sozinho. Sinto-me abandonado. Sinto-me… perdido… Sim! Perdido… Perdido em mim. Perdido nas crenças, nos pensamentos, nas pessoas, no mundo. Tento levantar os olhos. Eu tento!, mas os meus olhos … Continue a ler “Óculos de Sol”

Gotas da Vida

Todos os dias olho pela janela, desejando estar aí fora… contigo. Desejando poder sentir as gotas de água caírem-me na cara e com elas, lavar todo o meu ser: diluir … Continue a ler Gotas da Vida

A Caixa da Vida

É geralmente durante a noite… quando o frio me invade e tenho apenas como companhia a escuridão… uma escuridão que, aliada ao meu ser, me faz fechar os olhos e … Continue a ler A Caixa da Vida

“A MÚSICA TOCA, O ARTISTA CANTA, E O SENTIMENTO INSTALA-SE”

A música toca, o artista canta, e o sentimento instala-se. É assim, não é? É sempre assim. Aquela palavra que nos toca, que toca na nossa ferida de uma maneira … Continue a ler “A MÚSICA TOCA, O ARTISTA CANTA, E O SENTIMENTO INSTALA-SE”