O Que é o Amor?

Desde sexta-feira que ando a pensar sobre este tema. Sobre escrever sobre o amor. Do que é, para mim, o amor. Do que é amar alguém. Da essência deste sentimento tão complexo, e ainda hoje, difícil de gerar consensos. Mas eu pensava, pensava e bem que fazia o pino, e todas as ideias, se desvaneciam. Mas foi com essa ideia que decidi começar este texto E porquê?

Porque percebi.

Que o amor não se define assim. Que mesmo para mim, que já criei histórias e personagens em que o romance corre no seu núcleo, definir o conceito já não é algo tão… linear?

Porque quando mais pensamos na questão, mais caímos no senso comum do que é o conceito. Do que é o sentimento.

Foi só há coisa de três anos que comecei a aprender o que é este sentimento que ou nos alimenta com uma alegria e vontade de viver inexplicável, quer nos consome, corroendo o coração partido. Sem esperança…, perdido.

Continuar a ler “O Que é o Amor?”

Crítica a “All Your Perfects” de Colleen Hoover

Verídico. Emocional. Dramático. Romântico. Profundo. Inesquecível.

71LSlUf05FLQuando este verão mandei vir do Reino Unido o livro publicado pela CH o ano passado – Without Merit -, saberia que eventualmente, meses mais tarde, teria de fazer o mesmo com o romance que ela preparou para o ano corrente. A TopSeller em Portugal parece não ter mais interesse nesta autora formidável, pelo que não tive opção se não esperar 10 penosos dias, até ter o All Your Perfects, publicado em agosto, e que agora ganha a sua primeira crítica em português de Portugal!

Se conhecem a autora, e a crítica antiga, sabem como esta retrata nos seus romances, problemas da vida quotidiana. E que tão bem que ela o faz! Como não gosto de vos dar spoilers da história, vou tentar chegar rapidamente ao fundo da questão.

Em primeiro lugar, tenho de falar das personagens apaixonantes. Se em livros anteriores tivemos um grande roll de personagens, este livro o grande foque são mesmo os protagonistas. É certo que temos uma mãe e irmãos à mistura. Todavia, o grande foco é o casal: Quinn e Graham! E que casal este. A história está brilhantemente dividida entre o Passado e o Presente. E se isto nos dá alguns nervos por querermos saber rapidamente o que está a acontecer no Presente, é também propício a momentos de lágrimas nos olhos. De coração apertado, ao ver como uma história tão apaixonante e forjado numa tragédia, resulta num casamento que se está a perder…

Continuar a ler “Crítica a “All Your Perfects” de Colleen Hoover”