Para ti, minha avó!

Em pequeno era contigo que ficava. Todos os dias. Desde quando abria os meus pequenos olhos castanhos, quando os meus pais me deixavam ao teu cuidado, até ao final desse mesmo dia. Onde chorava por me separar de ti. Mas depois voltava novamente para o meu lar. E, sejamos sinceros, era a casa em frente. E, … Continue a ler Para ti, minha avó!