Voltei… e com novidades! – Crónica 8ª

Olá a todos! Como estão!

É com grande alegria e entusiasmo que dou, novamente, as boas-vindas ao Ricardo Sousa aqui ao blog. E com o quê? Com o seu Cantinho, que tanto sucesso teve na sua primeira ronda, que agora volta para a segunda.

Curiosos? Eu também!

Obrigado Ricardo, estamos ansiosos por mais!

Diogo

Ctrl + C __ Ctrl+V

Voltei.. E com novidades!

Continuar a ler “Voltei… e com novidades! – Crónica 8ª”

“O Dia Em Que Chegaste” de Letícia Brito – Review

40247142_2107189392625803_6801564068835491840_o

Quando a Letícia me falou que estava a escrever um novo livro, já ao que parece ser uma eternidade – quando foi no passado ano-, estava mais que entusiasmado. Adorei por completo o seu primeiro romance. Nos Braços do Vagabundo trouxe-me, com a sua leitura, aquela sensação de estar a ler quase um thriller psicológico americano tal era a vivacidade e a maneira como a autora escolhera estruturar a história. Gostei muito!

Face à amizade que surgiu pelas palavras,  tive a sorte de fazer parte do seu grupo de leitores-beta. Dito isto, foram mais as cinco versões que me passaram pelos olhos. Sempre com correções que lhe mandava, ou momentos confusos, ou os típicos erros de digitação que qualquer pessoa comete. Todavia, estava muito longe de imaginar, aquilo que viria a ser o resultado final.

Sei que o facto de ser amigo e colega dela, me torna suspeito aos vossos olhos. Que é quase como se a classificação fosse comprada. Mas garanto-vos, não é! E vou explicar-vos o porquê!

Sinopse

Mónica, Luísa e Martim conhecem-se na adolescência e são forçados a aceitar, desde cedo, que a vida é feita de contrariedades, de amores e desamores, de situações mal resolvidas. Mal eles sabem que as suas histórias estarão interligadas para sempre.
Um grave acidente vem mudar o rumo das suas vidas, reavivando sentimentos que se julgavam perdidos. Este acidente deixa Margarida, uma pequena e inocente criança, órfã. Mas, no meio desta infelicidade, Margarida ganha uma mãe do coração que promete fazer tudo para a ver feliz.
Uma simples reviravolta é capaz de mudar o rumo de várias pessoas, abrindo-lhes as portas para a possibilidade de criarem um novo futuro.

Continuar a ler ““O Dia Em Que Chegaste” de Letícia Brito – Review”