65 ideias/dicas de marketing para promover um livro

Promover o nosso livro pode ser das coisas mais divertidas como dos maiores pesadelos. Foi a pensar nisto que vos preparei uma lista com diversas ideias. Esta lista apresenta tanto dicas do que já meti em prática como algumas em que estou a pensar em colocar. Definir a imagem que se quer propagar com o … Continue a ler 65 ideias/dicas de marketing para promover um livro

Será que um leitor também escreve o livro que lê?

Vivemos numa era grandiosa na literatura. Temos sagas míticas e os seus autores. Aqueles que, ao que nos parece, passaram horas, meses, anos a construir algo que o leitor irá ler, se for preciso, em dois dias. Mas será que estes autores quando estão a construir as suas narrativas e mundos, escrevem e criam literalmente … Continue a ler Será que um leitor também escreve o livro que lê?

Novidades na minha escrita em agosto e setembro

Aconteceu. Finalmente aconteceu! Terminei de escrever o Dislike. É estranho revelar-vos isto e ainda mais estranho perceber que tenho toda uma outra aventura pela frente. Mas a parte mais complicada está feita. Aquela que tanta vez vos falei nos últimos meses. https://www.instagram.com/p/CEfWXTzj-Mh/ A tradição não cumprida de agosto Para os mais distraídos, quando vou para … Continue a ler Novidades na minha escrita em agosto e setembro

Sim, eu bloqueio a cada livro

O bloqueio de escritor, ou bloqueio criativo, é das expressões mais ouvidas na literatura. Não é à-toa que cada autor, em cada entrevista, seja questionado a esse respeito e dê os seus pensamentos sobre a questão. Contudo, ao olhar para o meu próprio percurso, dei-me conta de uma coisa: de que eu bloqueio a cada … Continue a ler Sim, eu bloqueio a cada livro

A minha escrita em abril

Abril passou demasiado rápido. Não tive sequer perceção do tempo, especialmente após regressar aos horários laborais. Confesso que tive de fazer um esforço para me lembrar dos objetivos que tinha estabelecido para o mês anterior, algo que me levou a algumas comichões. Mas vamos lá: O que escrevi em abril? Em abril voltei a minha … Continue a ler A minha escrita em abril

Como me preparo para escrever um YA?

Ao longo das últimas semanas tenho dado conta de como alguns autores se deparam, após escrever os seus livros, de reconhecer que existem outros livros no mercado que já abordam aqueles temas, problemáticas, cenários, situações e por aí fora. Isto levou-me a pensar em algo que me debrucei imenso na licenciatura e agora, de certa … Continue a ler Como me preparo para escrever um YA?

Por Detrás d´O que nos Magoa #3 – Como surgiu a ideia?

Confesso que não estava a contar ter tempo para vos escrever. Acontece que estou em Leiria, na minha casa. Num espaço que, só de entrar nele, me deu energias para os próximos tempos. O tempo acabou assim por ajudar, e se o sono me vencia há umas horas, agora consigo escrever-vos. Como surgiu a ideia? … Continue a ler Por Detrás d´O que nos Magoa #3 – Como surgiu a ideia?

Escapar também faz de ti um escritor

A página à nossa frente está em branco. O sinal do cursor a cuspir na nossa cara é um sinal do presságio que está prestes a ocorrer. Sentimo-nos loucos, desesperados. Queremos escrever. Temos algo a dizer, a acrescentar. As personagens, história, momentos que queremos criar, está tudo lá. Na nossa cabeça. Quase que sentimos na … Continue a ler Escapar também faz de ti um escritor

Como é que a minha formação me inspira na escrita?

Há uns anos escrevia somente por escrever. Queria contar as minhas histórias e o seu significado era baseado em sentimentos e momentos humanos e palpáveis. Se me perguntassem a mensagem, andava meio que perdido a descobri-la. Porém, com a passagem dos anos, fui percebendo o que queria das minhas histórias. Até onde queria chegar... Onde … Continue a ler Como é que a minha formação me inspira na escrita?

Como “Os Sims” me moldaram enquanto autor?

Para alguns, eu ter uma publicação a falar do jogo de simulação mais famoso do mundo pode parecer estranho. Ridículo, até. Todavia, para os que não sabem a importância deste jogo - nomeadamente o Sims 3 -, este representou um marco gigantesco para mim, enquanto autor. Enquanto crescia, e sendo este tipo de jogos caríssimos, … Continue a ler Como “Os Sims” me moldaram enquanto autor?

Escrever um livro é apaixonar-me

Por anos escrever foi um segredo. Uma paixão secreta. Já falei por diversas vezes do que era manter escondido esse hobby, mas sabiam que mesmo tendo livros publicados, apresentar-me aos outros como "escritor" me dava como que vergonha? São imensos os sentimentos que se geram, na verdade. Porém, compreendo agora como não é só por … Continue a ler Escrever um livro é apaixonar-me

Será que planear ajuda?

Ultimamente tenho-me debatido sobre esta questão. Em compreender até que ponto, planear o que estou a escrever, ajuda. Todavia, não é só na escrita que planear se pode interferir e é sobre isso que quero hoje falar. Vida planeada, sorte desgraçada? Eu tentei escrever algo que desse para rimar, e percebendo o quanto falhei na … Continue a ler Será que planear ajuda?

Quantos tipos de escritor há?

Esta pergunta retórica, para muitos, pode ter uma resposta rápida. Porém, para outros, pode fazer com que toda a sua carreira literária seja moldada em questões, quiçá, bizarras. Mas com isto, afinal, o que quero eu dizer? Quantos tipos de escritores há? 7.735.892.258. Sim, é esse número todo, aproximado. Mas afinal que número é esse? … Continue a ler Quantos tipos de escritor há?

Somos rejeitados por uma editora: e agora?

E agora? Agora estão provavelmente a divagar. A "não compreender". A pensar: "mas toda a gente que leu disse gostar, como é que uma editora não gosta?". Este "agora" de questões é infindável, e se por vezes nos ajuda, por vezes dá-nos um rombo. Não só na nossa confiança, mas na nossa paixão pela escrita … Continue a ler Somos rejeitados por uma editora: e agora?

Trabalhar a confiança enquanto (novo) autor

Gostava de poder dizer-vos que escrevo esta publicação durante uma reflexão num dia chuvoso, acompanhado por um qualquer chocolate quente de uma das marcas mais conhecidas. Mas isso não acontece. Estamos em setembro, está um calor infernal, e no meio da correria da vida deu-me para vos escrever sobre isto. O título delimita quase que … Continue a ler Trabalhar a confiança enquanto (novo) autor

Um blog também entra de férias?

Tenho-me debatido sobre esta questão, especialmente após este ano louco. Sim, já fez mesmo um ano que dei uma nova vida ao blog. Uma que sempre quis e que foi muito inspirado pela inspiração que a Sofia Costa Lima me deu. Mas toda esta nova vida teve o seu custo: a exaustão. Não me interpretem … Continue a ler Um blog também entra de férias?

As Feiras do Livro e os Novos Autores

Já vos contei como a editora em que tenho o Esquecido publicado, a Cordel d´Prata, fez dois anos no passado dia 10 de junho. Para além dos descontos imperdíveis, também foi inaugurada uma nova área de destaque no site da editora: as notícias. No intuito desta celebração, e no final do passado mês, fui convidado … Continue a ler As Feiras do Livro e os Novos Autores

“O Caderno do Diogo” – O E-BOOK!

Eu falei, prometi. Desafiei-me, e nesse caminho, desesperei bastante. Muito, mas muito. Como vos falei a semana passada, tenho um conjunto de projetos e trabalhos, uns deles bastante prioritários.... Inicialmente tinha pensado em publicar este e-book em lojas online, mas pensei: Diogo, tu não consegues ter tempo para testar como queres, e por vezes estar … Continue a ler “O Caderno do Diogo” – O E-BOOK!

Como estão (e onde estão) os projetos que vos prometi?

Bem..., o título pode parecer-vos estranho, mas confesso que me estou a rir bastante com ele. E é algo que decidi que vos queria falar porque precisava, e bastante. Quando comecei o ano, anunciei-vos dois projetos: o Trajetórias e O Caderno do Diogo em versão e-book. Já vos tenho falado do Trajetórias e de como … Continue a ler Como estão (e onde estão) os projetos que vos prometi?

Celebrar o Dia do Autor Português

É hoje que se celebra em Portugal o Dia do Autor Português. E sendo eu todo apologista que o natal deve ser todos os dias, deveria também ser todos os dias que se celebra a leitura e cultura. Não deveríamos estar presos a um só dia para falar de ler autores lusófonos, ou de nos … Continue a ler Celebrar o Dia do Autor Português

A Anatomia de um Capítulo

Há muito que um capítulo esconde. Quer em termos de história, desenvolvimento, ou até sofrimento de um autor, como suor, lágrimas e desespero, existem alguns elementos que aprendi como sendo fundamentais num capítulo. Infelizmente, só alguns comecei agora a aplicar com mais ênfase. Mas já diziam: mais vale tarde, que nunca. Mas é notório como … Continue a ler A Anatomia de um Capítulo

O que mais gostei de escrever em abril

Abril foi um mês de completa agitação para estes lados. Quer em termos pessoais, como profissionais, o mês ficou marcado por um passo rápido. Mal o senti passar, sou sincero. Já vos referi isso mesmo a respeito da leitura que escolhi para o Clube de Leitura do qual sou membro, porém, agora ao olhar para … Continue a ler O que mais gostei de escrever em abril

A fórmula mágica de uma história

Muitos se perguntam qual a formula mágica de uma história. De como se escreve. Do que é, de facto, escrever, e de como podemos maximizar isso para termos os nossos leitores e editores agarrados a cada página. Muito se pensa sobre a matéria, mas esta fórmula de que vos falo hoje, se pensarmos bem, é … Continue a ler A fórmula mágica de uma história

O que “vem depois” de se publicar um livro?

O título desta entrada do Caderno bem que poderia ser "o que acontece depois de se publicar um livro", porque é bem mais fácil de o admitir. Para além da alegria, euforia e do sentimento de realização, vem o impacto com as críticas. Vem a febre de marcar eventos e de andar de distrito em … Continue a ler O que “vem depois” de se publicar um livro?

Lidar com as críticas após a publicação de um livro

O Caderno do Diogo - Como lidar com as críticas - Parte II Uma vez que esta publicação vem no seguimento deste "índice", e tendo em conta que na Parte I abordei as críticas que antecedem o envio de um livro a uma editora, esta vai focar-se no depois. Em como se lida com as … Continue a ler Lidar com as críticas após a publicação de um livro

O Caderno do Diogo: Como rever um manuscrito?

Esta é daquelas perguntas que me faço constantemente, especialmente quando estou na reta final de um manuscrito. Muito porque significa que a parte divertida terminou para dar lugar a uma mais minuciosa e aborrecida. Porém, nesta publicação, quero dar-vos pontos chaves a ter em atenção antes de começarem a fazê-lo. Vamos tentar tornar isto mais … Continue a ler O Caderno do Diogo: Como rever um manuscrito?

O Caderno do Diogo: Como lidar com as críticas – Parte I

Na publicação passada falei dos leitores-beta. Da forma como eles nos podem ajudar no trabalho que estamos a desenvolver na nossa história. Porém, algo de muito importante vem depois disso. Algo que acontece só quando começamos a receber o feedback. Com isto, e como diz o título do post, falo-vos das críticas. Lidar com as … Continue a ler O Caderno do Diogo: Como lidar com as críticas – Parte I

O Apêndice do Diogo #2

Penso que já sabem o que é este segmento. Este apêndice adicionado ao Caderno do Diogo. Mas se no Caderno dou dicas por mim desenvolvidas, no Apêndice quis mostrar-vos o que outros autores e/ou criadores de conteúdo fazem. O que desenvolvem e tão bem. Sendo algo que vou tentar atualizar mensalmente, hoje está na altura … Continue a ler O Apêndice do Diogo #2