O Que é o Amor?

Desde sexta-feira que ando a pensar sobre este tema. Sobre escrever sobre o amor. Do que é, para mim, o amor. Do que é amar alguém. Da essência deste sentimento tão complexo, e ainda hoje, difícil de gerar consensos. Mas eu pensava, pensava e bem que fazia o pino, e todas as ideias, se desvaneciam. Mas foi com essa ideia que decidi começar este texto E porquê?

Porque percebi.

Que o amor não se define assim. Que mesmo para mim, que já criei histórias e personagens em que o romance corre no seu núcleo, definir o conceito já não é algo tão… linear?

Porque quando mais pensamos na questão, mais caímos no senso comum do que é o conceito. Do que é o sentimento.

Foi só há coisa de três anos que comecei a aprender o que é este sentimento que ou nos alimenta com uma alegria e vontade de viver inexplicável, quer nos consome, corroendo o coração partido. Sem esperança…, perdido.

Continuar a ler “O Que é o Amor?”

Quando te disse…

Quando disse que te amava, não te queria tirar a vida. Quando disse que te amava, não queria que deixasses de viver por mim! Quando disse que te amava, o que eu queria dizer, era que queria passar o resto da minha vida contigo. Que queria, ao amar-te, saber que tinha a tua confiança, para ter a minha vida. Que te amava, para tu teres a tua vida. Para me deixares sair comigo mesmo, ou com aqueles meus amigos e amigas dos tempos da faculdade, sem ter de te dar justificações como que extras. Quando disse que te amava, disse-te que … Continuar a ler Quando te disse…

Um pedido de ajuda… – Crónica 2ª

O Cantinho do Ricardo Para hoje quero atacar um tema que acaba por ser um pouco mais forte. No entanto, acho que toda a gente tem que ouvir e pelo menos tentar entender. Por motivos de confidencialidade, não irei revelar nomes e como tal, vou-me referir à outra protagonista como “meu amigo”. Um dia destes fiquei assoberbado com uma notícia que acabou por me chocar um pouco porque nem eu nem as pessoas envolvidas, estávamos à espera. Digam-me vocês como é que vocês iriam reagir a uma notícia de que um grande amigo vosso, com menos de 25 anos, estava … Continuar a ler Um pedido de ajuda… – Crónica 2ª

O Primeiro Autocarro da Manhã

Muitas vezes quero simplesmente escrever e nada de jeito se passa na relação que os meus dedos têm com o meu lado criativo. Como se houvesse um bloqueio que não me deixa escrever aquilo que quero. Outras vezes vou directamente ao protejo que tenho em mãos para “descarregar” toda essa excitação. Hoje tentei algo… Não sei se ficou algo de jeito, quis apenas tentar algo que fosse diferente dos habituais pequenos textos que tenho no blog. Coloquei-me desta vez no corpo de uma personagem sem sexo e tentei representar aquilo que muitas pessoas sentem, chegando ao fim com o pensamento de … Continuar a ler O Primeiro Autocarro da Manhã