1 ano de “Esquecido”

Como assim? Como vos estou a escrever sobre isto? Sobre este ano que passou? Um ano… dá para acreditar?

Eu não acredito. E prova disso foi que tive de perguntar ao Ricardo se estava certo. Se não me tinha dado um AVC. Foi também quando me dei conta de que nunca vos mostrei fotografias do lançamento… Vergonhoso, não é? Porém, nesta publicação, como em muitos casos as palavras contam mais que as imagens, tenho de vos falar um pouco do Esquecido. Em particular para os que não o conhecem… Também não posso deixar de falar do que faria diferente, e do que faria igual.

Continuar a ler “1 ano de “Esquecido””

#TheBibliophileClub (Janeiro) – Os Fracassos

Eu julgo que estou maluco. Muito porque tinha a ideia de já vos ter falado do #TheBibliophileClub mas não conseguir encontrar a publicação respetiva. E sinto-me tão, mas tão frustrado. Mas como mais vale tarde que nunca, vou aqui falar desta brilhante iniciativa e do livro que escolhi para começar a mesma. Curiosos?

Continuar a ler “#TheBibliophileClub (Janeiro) – Os Fracassos”

As palavras e expressões do Norte

Faz já um ano que cheguei ao Porto, e não demorou muito até ter contacto com os meus colegas do mestrado que, em poucas semanas, me mostraram que há muito mais a descobrir nesta cidade do que meramente os monumentos. Com isto as aulas iam passado, levando a com que me depara-se com um conjunto de palavras que, até então, eram estranhas no meu vocabulário.

Continuar a ler “As palavras e expressões do Norte”

Os dados foram lançados: 12! Olá dezembro

Novembro foi-se! Passou rápido apesar de toda a confusão que foi eu ter partido o dedo e que gerou grande afluência no blog. Com isto, cheguei à conclusão de que realmente as desgraças são sempre bem vistas (rindo). Fora isto, e a minha recuperação que me fez passar mais tempo no sofá que outra coisa, consegui meter as ideias em ordem e ora trabalhar no voluntariado, no blog e redes sociais das Casas de Turismo, e ainda pensar na tese! 

Confesso que não consegui ler muito, somente artigos e outras teses ou leis. Como não planeio fazer-vos uma publicação a dar conta das leis mais giras para se lerem, decidi afastar desta publicação introdutória do mês as leituras. Posto isto, vou falar-vos das visitas que se deram na última semana do mês. Em especial do meu melhor amigo de Lisboa, o T!

Continuar a ler “Os dados foram lançados: 12! Olá dezembro”

Crítica “Ralph vs Internet”

Foi a semana passada que, após conselhos do @rfl19931 e do T, o meu melhor amigo, que decidi ver o Wreck-It Ralph. Como o filme estava na Netflix, nada melhor que passar o meu tempo em Leiria com um filme da animação da Disney. Tenho de vos revelar que não me lembro da sua estreia, mas uma vez que foi lançado em 2012, assumo que não estivesse atento a esse mundo como agora. Posto isto, e após ver o primeiro filme que arrancou suspiros de nostalgia e algum conforto ridículo, em que algumas lágrimas se escaparam, fui ver o segundo.

Continuar a ler “Crítica “Ralph vs Internet””

A minha estante!

Hoje vou dar-vos a conhecer a minha estante. A estante principal, claro está, já que qualquer leitor tem sempre livros espalhados pela casa ou, até mesmo, emprestados. Como tenho sempre comentários de pessoas que gostam dela, hoje vou falar-vos de como a mantenho organizada. Após isso, quero eu conhecer as vossas! Pode ser?

DSC_1495

Em primeiro lugar vou pedir desculpa pela qualidade da fotografia. A verdade é que os dias estão bem escuros para Leiria pelo que obter aquela luz natural que faça dar cor e definição aos pixeis, estava complicado.

Mas vamos lá conhecer!

Continuar a ler “A minha estante!”

Crítica: “Monstros Fantásticos & Os Crimes de Grindelwald”

Quando ontem entrei na sala de cinema, o meu coração estava aos pulos. Cheia, e com algum do público vestido com roupa alusiva ao universo mágico, sabia que seria das melhores experiências cinematográficas da minha vida. E porquê? Porque já não bastava terem oferecido posters e dois postais alusivos ao filme, como ainda tivemos um vídeo referente às ligações deste filme ao universo Harry Potter (que segue já de seguida), e outro com uma mensagem a falar resumidamente do filme. Qual a surpresa? Começou com um “Olá Portugal” e “Obrigada” por parte de elementos do elenco. Após isto, foi tempo de se bater palmas e mergulharmos, mais uma vez, no universo da J.K. Rowling!

Este vídeo não está legendado, como no cinema.
Continuar a ler “Crítica: “Monstros Fantásticos & Os Crimes de Grindelwald””