O que mais gostei de escrever em março?

Abril chegou, e com uma publicação dupla logo no primeiro dia. Confesso que estou muito feliz com a que diz respeito ao dia 1 de abril, mas como nesta publicação tenho de me focar em março, aqui fica a lista do que mais gostei de escrever.

Antes de ir propriamente aos post, tenho de vos confessar como estou muito orgulhoso do conteúdo que vos dei. Sou sincero, muito: ainda não tive uma publicação em que a tenha escrito e publicado só por publicar. Sem haver uma realização pessoal. Esforço-me sempre por estar feliz e realizado com o que vos “dou”, mas o mês que passou achei-o muito especial. Em primeiro lugar, devem ter reparado que só publiquei aos fins-de-semana quando o assunto realmente pedia. Tal medida foi influenciada porque não só queria que os leitores tivessem tempo de ler o que se passou pela semana, assim como me dar tempo para conseguir respirar. Não respirar por me querer afastar do blog, mas o respirar para conseguir estar dedicado a outros projetos: a escrita do Trajetórias e do meu quarto livro.

Continuar a ler “O que mais gostei de escrever em março?”

O que mais gostei de escrever em janeiro

Fevereiro. Estamos em fevereiro, o mês quer do meu aniversário, como do meu irmão. Dá para acreditar? Janeiro passou a voar, e nisto surgiram novas ideias referentes ao conteúdo aqui no blog. Uma delas é esta, que agora passo a partilhar. Trata-se de uma reformulação da minha Perspetiva Mensal que irei voltar para a escrita. Já o fazia, claro, mas nem sempre nestes moldes. Agora isso veio para ficar. Posto isto, o que será que mais gostei de escrever no blog em janeiro?

Continuar a ler “O que mais gostei de escrever em janeiro”

Os dados foram lançados: 12! Olá dezembro

Novembro foi-se! Passou rápido apesar de toda a confusão que foi eu ter partido o dedo e que gerou grande afluência no blog. Com isto, cheguei à conclusão de que realmente as desgraças são sempre bem vistas (rindo). Fora isto, e a minha recuperação que me fez passar mais tempo no sofá que outra coisa, consegui meter as ideias em ordem e ora trabalhar no voluntariado, no blog e redes sociais das Casas de Turismo, e ainda pensar na tese! 

Confesso que não consegui ler muito, somente artigos e outras teses ou leis. Como não planeio fazer-vos uma publicação a dar conta das leis mais giras para se lerem, decidi afastar desta publicação introdutória do mês as leituras. Posto isto, vou falar-vos das visitas que se deram na última semana do mês. Em especial do meu melhor amigo de Lisboa, o T!

Continuar a ler “Os dados foram lançados: 12! Olá dezembro”

O Mês do Frio: Sê bem-vindo Novembro!

Novembro chegou, e com ele levou um outubro de mudanças. Não foi só no carácter das publicações que vos dei, assim como numa nova imagem do blog! Uma que deu mais destaque ao conteúdo em si. Sem mais confusões ou barras laterais a atrapalhar.

Tenho de vos agradecer por estarem comigo nestes momentos. Por terem tornado outubro num mês em que passámos as 550 visualizações. Dos artigos mais populares estão O Caderno do Diogo: As Editoras (Dicas de Publicação e Conhecimento Editorial)31 Coisas Que Não Sabes Sobre Mim – Parte I (Parte II já disponível), Conversa entre Autores #2 : As PersonagensEsquecido nomeado para Melhor Obra 2018 e As Mudanças na (Minha) Vida. A Rubrica do Ricardo também ganhou o seu destaque, e bem! Todos os outros artigos seguem em seguida neste mês recheado de conteúdo voltado para a inspiração de um autor. Claro está que também ficou marcado pelo Halloween – uma altura de que gosto muito.

Continuar a ler “O Mês do Frio: Sê bem-vindo Novembro!”

Outubro

DSCPDC_0003_BURST20181001165059096_COVERE chegou mais um mês de 31 dias em que, apesar das 24 horas a mais, parece que o tempo continuará a não chegar!

E é a verdade! Neste mês de setembro dei por mim a dividir as minhas 24 horas entre leituras, tempo no blog, projetos próprios dos quais não vos posso ainda falar, bem como voluntariado, uma Sociedade que surgiu e que irei falar dela quando for oportuno, e uma tese! Sim, leram bem: uma tese!

Provavelmente muitos vão achar algo super banal, ou esperado para um mestrado. Contudo, quando me inscrevi no Instituto de Serviço Social do Porto, tive sempre em mente realizar no último ano, um estágio. E porquê? Porque o mercado de trabalho o parece exigir. E não só ele, mas eu também.

Quando saímos da licenciatura temos sempre todos os sonhos do mundo. Que vai ser tudo fácil, rápido. Que iremos encontrar logo um bom emprego, que conseguiremos sair da casa dos nossos pais para, anos mais tarde, termos já a nossa família composta. Pronta para qualquer aventura que esteja ao virar da esquina. Todavia, se existe curso que nos prepara para a realidade da nossa sociedade e nos ajuda a refletir sobre a mesma, é a licenciatura de Serviço Social, assim como o mestrado em que estou.

Continuar a ler “Outubro”

Chuva! São João, São Pedro, Mundial, Julho e Esquecido!

Damos as boas-vindas a julho com uma pequena dor no peito pela saída de Portugal do campeonato do mundo, e com uma grande dor de cabeça a tentar perceber o clima que se tem vivido no nosso país! Quem me conhece, sabe que adoro o inverno. Adoro chuva. Mas dos motivos pelos quais anseio sempre pelo verão, é pelos dias longos. Dos jantares que se fazem nas varandas com os raios de sol como nosso companhia.   Com chuva, isso torna-se quase impossível. É, contudo, em momentos desde, que me assusto como as alterações climáticas vão-se mostrando assertivas nas mudanças … Continuar a ler Chuva! São João, São Pedro, Mundial, Julho e Esquecido!