Procurei…

“O esforço que fazia para procurar as coisas na minha cabeça desarrumada era tal, que acabei por desistir. Nada aparecia. Nem uma simples imagem. Absolutamente nada!
Tentei procurar por coisas básicas. Procurei pelo soprar das velas do meu décimo nono aniversário. Procurei pela possível prenda de anos dada pela minha mãe – que era algo a que daria grande importância pelas dificuldades por que passávamos -, mas nada apareceu.
Procurei por um pai violento, ou por umas nódoas negras.
Procurei por um beijo de boa noite, por um abraço amigável. Procurei por uma noite de cartas com a minha irmã ou por um evento familiar. Procurei por uma namorada, por alguém especial.”

Adquire o teu exemplar aqui

27983403_1967782176595410_5474151116825512184_o

Comenta aqui

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.